No Ar
Tarde Esportiva Musical
Escute a Rádio Ao Vivo
49 3443 6190
Curta nossa páginaFacebook

Saiba as diferenças entre votos nulos ou brancos e quais as consequências nas eleições de 2018

CompartilheCompartilhe no FacebookImprimir

12/07/18 – QUINTA-FEIRA

 

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE), lançou a campanha “Voto Consciente”, que tem como objetivo discutir a importância de o eleitor estar bem informado sobre seus candidatos. Uma das ações desta campanha é estimular a consciência eleitoral e a diminuição dos votos inválidos na eleição de 2018.

 

Com a aproximação das eleições os conceitos de voto em branco e nulo ainda geram dúvidas aos eleitores. Algumas informações falsas foram espalhadas sobre o assunto, como por exemplo, o boato de que se mais da metade dos eleitores anularem ou votarem em branco, a eleição será anulada. Porém, estes votos (nulos e brancos) não são válidos, e não têm o poder de anular uma eleição.

 

O voto é obrigatório em todo o território nacional, mas o eleitor tem o direito de escolher o candidato de sua preferência, ou não escolher ninguém. Se optar por não escolher nenhum dos candidatos, o eleitor pode votar em branco ou nulo. Se decidir votar em branco basta clicar na tecla “BRANCO”, disponível na urna. Para anular o voto, o eleitor insere um número que não pertence a nenhum candidato ou partido político.

 

O reflexo que estas ações têm sobre o pleito eleitoral, é a diminuição na quantidade de votos que o candidato precisa ter para ser eleito, pois só são somados os votos válidos. Portanto, o candidato que obteve o maior número de votos válidos vencerá, independentemente do turno.

 

Fonte: www.clubesd.com.br / Foto: Divulgação / Felipe Valgoi

Enviar por e-mail